Bolsonaro e Rodrigo Maia discutem o fim da estabilidade dos servidores públicos

Os servidores públicos, que hoje têm estabilidade no emprego, podem perdê-la se a forma administrativa que começa a ser discutida em Brasília vier a ser aprovada. “Sem constar na agenda oficial, o presidente Jair Bolsonaro se encontrou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, na manhã deste domingo no Palácio da Alvorada, para discutir o envio nos próximos dias da reforma da administrativa, que prevê o fim da estabilidade para servidores públicos, e outro texto para a regra de ouro, que, segundo Maia,  terá ‘gatilhos para controlar as despesas obrigatórias do governo'”, segundo informa a jornalista Naira Trindade, em reportagem publicada no jornal O Globo.

Deixe uma resposta